Saúde FIEB está arrecadando óculos para reciclagem
A Saúde FIEB, em parceria com o Lions Club, está coletando óculos usados para serem reciclados

Há muitos anos o Lions Club International realiza ações para prevenir a cegueira, restaurar a visão e aprimorar o atendimento oftalmológico de milhões de pessoas ao redor do mundo. Faz parte dessa iniciativa o programa de coleta de óculos usados, intitulado “Reciclagem dos Leões em Prol da Visão”. Os óculos doados são reciclados e distribuídos entre pessoas necessitadas de países em desenvolvimento.

Esse mês, ao promover a Campanha da Saúde Ocular, o Departamento de Gestão da Saúde Escolar da FIEB procurou a unidade do Lions Club em Alphaville para propor uma parceria: colaborar na arrecadação desses óculos. A ajuda foi aceita e as caixas de coleta já estão em todas as unidades da FIEB. Qualquer pessoa pode doar.

São aceitos óculos de grau, de leitura e de sol, em armações de plástico e metal. De acordo com informações divulgadas no site do Lions Club, óculos infantis são muito bem-vindos, uma vez que o número de crianças necessitadas de correção ocular é grande.

As doações são distribuídas entre os 17 Centros Leonísticos de Reciclagem de Óculos espalhados pelo mundo. Lá, os voluntários os limpam, classificam por prescrição e embalam. A maioria é reciclada e enviada a quem precisa, especialmente a locais carentes onde a ajuda opera maior impacto.

“Reconhecemos a legitimidade dessa iniciativa, até pela credibilidade do Lions Club no mundo todo, e, mais ainda, o alcance que essa campanha tem. Justamente por isso decidimos buscar essa parceria, afinal, cuidar de si mesmo é tão importante quanto fazer parte de algo maior, que ajuda a cuidar de quem precisa. Estamos aprendendo e ensinando com base em uma ação concreta e grandiosa”, declara Ana Paula Martinelli, coordenadora do Departamento de Gestão da Saúde Escolar da FIEB.

Números impressionantes
Segundo dados levantados pela Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 153 milhões de pessoas no mundo possuem problemas oftalmológicos, como hipermetropia, miopia e astigmatismo, ainda não corrigidos. Esses, são erros de refração que podem ser rapidamente diagnosticados e facilmente tratados com lentes corretivas. No entanto, milhões de pessoas, provenientes de países em desenvolvimento, não conseguem acesso a esse tratamento. O problema se torna mais grave à medida que afeta a capacidade de aprendizado, o desempenho profissional e o desenvolvimento pessoal do indivíduo.

“Para as crianças, uma visão clara significa melhor educação, desenvolvimento mais saudável e uma melhor qualidade de vida. Para os adultos, significa uma maior oportunidade de empregos e estabilidade econômica. Para os idosos, isso significa menos dependência dos outros”, publicou o Lions em sua página na internet a respeito da carência de óculos.

Os projetos relacionados à visão promovidos pelo Lions Club no mundo seguem demandas significativas. Entre elas, destacam-se a prevenção da perda grave de visão de 30 milhões de pessoas; proteção da visão de mais de 14 milhões de crianças ao oferecer exames, óculos e outros tratamentos; realização de mais de 7 milhões de cirurgias de catarata, entre outros.

Cartaz Doe Óculos Usados